MPB nas Escolas
<< Voltar

A Bossa Nova


Fórum MPB nas escolas

A Bossa Nova

1950 e 1960, uma década de grandes mudanças, principalmente, na visão de mundo da juventude. De repente, tudo e todos eram Bossa Nova. O adjetivo novo caracterizava todo um momento da cultura brasileira. Havia o Cinema Novo,os Centros de Cultura Popular e o Teatro, também alardeando um novo tempo, além das tendências vanguardistas nas Artes Plásticas, na explosão de formas da Arquitetura de Niemeyer e no urbanismo de Lúcio Costa. Juscelino Kubitschek é denominado o presidente ( do Brasil) bossa-nova.

Um encontro mágico acontece entre Antonio Carlos Brasileiro de Almeida Jobim-Tom Jobim e o poetinha, Vinicius de Moraes.

1958- Nasce a Bossa Nova com a batida de violão do guitarrista e cantor João Gilberto, com a música de Tom Jobim e com a poesia de Vinicius de Moraes.

Mas nem tudo são flores… na década de 60 , o golpe militar de 1º de abril de 1964, a Ditadura Militar, ainda que ao som do lirismo da bossa nova!!!

Na Bossa Nova, o personagem preferencial era o boêmio do final de praia, sempre em estado de paixão latente.

No cenário, Tito Madi, Maysa, Dóris Monteiro, Marisa Gata Mansa, Claudete Soares, Silvinha Telles, Lana Bittencourt, Miltinho, Dick Farney, Nora Ney, Lúcio Alves, Johnny Alf, Alaíde Costa, Rosinha de Valença, Sílvio César, Luis Reis, Haroldo Barbosa, Billy Blanco, João Donato, Leny Andrade, Os Cariocas. Todos eles, criaturas da noite, antes de a alegria solar da Bossa Nova vir resgatá-los. E ainda, Elizeth Cardoso, Pery Ribeiro, Antônio Maria, Dolores Duran, Maysa, João Donato, Celly Campello.

De início, o termo Bossa Nova referia-se a um jeito de cantar e tocar o.samba, com certos trejeitos jazzísticos e uma pronunciada suavidade, tanto no tratamento musical quanto no poético. Estavam afastadas a melancolia, a depressão, a angústia e a desilusão.Outra característica era a forma de cantar, em voz baixa, quase cochichado ao ouvido.

Na mesma descompressão do início da década de 1980, tivemos o Blitz, com Evandro Mesquita, Fernanda Abreu e outros. A Blitz era tremendamente carioca, Jovem Guarda e Bossa Nova.

A Bossa Nova envolveu um setor influente da classe média e da crítica musical , com seu refinamento estético e a visão ipanemense de mundo. A Bossa Nova representou um movimento nacional.

Saiba mais em nosso livreto!


A Bossa Nova

Cartaz com a síntese do tema abordado

O Cartaz integra nosso material didático. Trata-se de um importante instrumento de campanha para atrair o público-alvo! Deve, principalmente, estimular a imaginação sobre o assunto em pauta!

Por exemplo: afixe-o cada semana numa sala de aula da escola. Encarregue o s líderes das turmas para se responsabilizarem por essa tarefa.

CD com a seleção de canções

CD com a seleção de canções

O CD do Kit MPB nas Escolas apresenta a seleção de canções que escolhemos para retratar a bela história de nossa música. Sugerimos que faça um planejamento para ouvir em cada aula uma das músicas com seus alunos. Planeje como contextualizá-las nas diversas áreas do conhecimento e, promova um bom momento de estudo.

DVD sobre o tema

DVD sobre o tema “A Bossa Nova”

O DVD sobre A BOSSA NOVA é um importante recurso para iniciar uma discussão sobre os principais assuntos e aspectos que são tratados no livreto. Você poderá usá-lo de várias maneiras. Por exemplo: após verem o DVD pergunte aos alunos da turma quem gostaria de se apresentar como voluntário para realizar a atividade que vamos sugerir. Peça 5 voluntários. Depois peça aos voluntários masculinos que sorteiem um personagem da Bossa Nova. Serão 3 sorteios. Depois peça às meninas, que façam o mesmo. Mais dois sorteios. Feito isso, peça que construam cada personagem, com ajuda da turma. Em seguida, peça à turma que monte o cenário da Bossa Nova e, que receba esses personagens para uma entrevista coletiva. A turma poderá fazer suas perguntas à Vinícius de Moraes, a João Gilberto, a Tom Jobim, Nara Leão e Elizeth Cardoso, de acordo com o que viram no DVD.